NOTICIAS: Notícias do PROMOB-e

PROMOB-e

Transporte público: publicação traz análises de custos e emissões para Niterói e Belo Horizonte

Em Belo Horizonte, por exemplo, os transportes são responsáveis por mais de 75% das emissões

Para fortalecer o debate sobre a mobilidade elétrica, o PROMOB-e lança nesta semana mais uma publicação: o relatório Análise de custos e emissões para as cidades de Niterói e Belo Horizonte. Elaborado pelo instituto de pesquisa WRI Brasil e pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), o estudo, disponível na Biblioteca do PROMOB-e, traz uma análise da situação das cidades em relação às emissões de gases de efeito estufa e mostra as vantagens das frotas elétricas para a redução dos impactos ambientais.

Em Belo Horizonte, por exemplo, os transportes são responsáveis por mais de 75% das emissões. Portanto, a publicação visa, além de apresentar a metodologia da ferramenta de análise de frota de ônibus urbanos, consolidar a aplicação dela nas duas cidades e auxiliar a tomadores de decisão no planejamento e na transição para frotas limpas. 

O relatório está estruturado em quatro seções principais, além da introdução. A segunda seção aborda a metodologia utilizada na ferramenta. A seção 3 apresenta os resultados e parâmetros de entrada para o caso da cidade de Niterói. Na mesma linha, a seção 4 apresenta o trabalho feito para a cidade de Belo Horizonte. Por fim, na parte 5, são apresentadas as considerações finais do estudo.

PROMOB-e

O PROMOB-e é um projeto de cooperação técnica executado pelo Ministério da Economia em parceria com o Ministério Federal da Cooperação Econômica e do Desenvolvimento (BMZ) por meio da Deutsche Gesellschaft für Internationale Zusammenarbeit (GIZ) GmbH.

Leia também

Comentários (0) Postar comentário ›

Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Deixe seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

Li e aceito os termos da Política de Privacidade.

Usamos o Akismet para a redução de spam. Saiba como seu comentário é processado.